Pesquise no Dicas Amor Sem Limite

Loading

Algemas: Do jeito certo na hora da transa faz o fogo pegar!


A mulher nua e algemada. O homem com o controle total. O tesão dos dois vai a mil. Não, meu caro, isso não é (só) cena de filme: prender a parceira dá mesmo um up no sexo – claro, se ela consentir. “O homem fica 100% responsável pelo deleite da garota e ganha muito prazer com isso”, explica Carlos Eduardo Carrion, psiquiatra de Porto Alegre e consultor da MH. “A impossibilidade de agir lima as paranoias – ‘será que ele está curtindo?’ – que brecam o tesão da mulher.” O que deixa o caminho todo livre para a excitação dela rolar solta também. “Facilita a experimentação dos sentidos”, diz Jussania Oliveira, psicóloga de São Paulo e consultora da MH. Para inspirá-lo ainda mais, seguem jeitos legais de usar algemas na transa – divirta-se!

Na posição clássica – A garota deitada de barriga para cima
Como algemá-la: em vez de prender as mãos da parceira acima da cabeça, peça para ela formar uma cruz com o corpo e algeme os pulsos à lateral da cama (sim, é preciso duas algemas). “Ficar com os braços para cima por muito tempo é desconfortável”, diz Jussania. Para incrementar, prenda também os tornozelos da garota e bem afastados um do outro: saber que não há como reagir deixa ela sentir um tesão ainda maior. “Assim é mais fácil para a tímida se entregar ao prazer. É irônico, mas dá certo”, afirma Carrion.

Sua posição: se a garota estiver só com os braços imobilizados, fale para ela apoiar as pernas nos seus ombros – você fica ajoelhado na cama. A posição permite penetração profunda. Mais ousadia? Ela joga os pés em direção à cabeça, como se fosse dar cambalhota. “Se os tornozelos também estiverem algemados, vá de papai e mamãe, mas com as mãos na bunda dela para elevar o quadril da garota e facilitar”, sugere Carla Cecarello, sexóloga de São Paulo e coordenadora do Ambulatório de Sexualidade (Ambsex), da Associação Brasileira de Sexualidade.

Na posição da rapidinha – A garota de pé ou sentada
Como algemá-la: encoste a garota na parede, segure os braços dela para cima e algeme os pulsos. Ou diga para ela sentar numa mesa (da altura do seu quadril) e pôr as mãos na lombar: algeme-as ali. Então, seja rápido. Ficar algemada nessas posições cansa logo. Você tem no máximo cinco minutos…

Sua posição: se a garota está de pé, erga-a pela bunda – as costas dela apoiadas na parede aliviam seu esforço – e peça para que enlace sua cintura com as pernas. Se a parceira está sentada, fique de pé na frente dela e penetre. Segure o quadril da garota para ajudar a manter o ritmo do vaivém.

Na posição mais ousada – A garota de bruços ou de quatro
Como algemá-la: agora sim, prender as mãos da parceira acima da cabeça, ou na cabeceira da cama, é confortável. Com ela de costas, sem ver você direito, também aumenta o ar de mistério e, logo, o tesão.

Sua ação: faça uma massagem completa, que termine com suas mãos realizando movimentos circulares na bunda dela. Emende sexo oral na vagina, enquanto estimula o ânus dela com o dedo. Aí: “É boa hora para sugerir sexo anal. A garota já está extremamente excitada – você estimulou muitos pontos erógenos, e por um bom tempo”, explica Jussania. “O surpreendente é o mais excitante.”

Fonte: Mens Health

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caro leitor, comentários obscenos ou que contenham alguma forma de publicidade, não autorizada pela administração, poderá ser excluído do nosso blog e dificultará futuras parcerias.
Assinar os comentários com o link do seu blog ou site é perfeitamente aceitável.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...